• Pontos Coração

“Não sei porque vocês, missionários, gostam tanto da gente, as outras pessoas não são assim...”


No princípio Suyapa ia a missa para estar junto de nós, mas agora sente uma curiosidade enorme sobre Cristo e a Igreja, tanto que espera ansiosamente quando vai começar as novas turmas de catequese para poder fazer a primeira comunhão. Um dia ela nos perguntou o que acontecia na consagração, ao responder que era pão e vinho que se transformavam no Corpo e Sangue de Cristo se encheu de surpresa sem ter nenhuma dúvida de quão verdadeiro é esse mistério. Agora sempre que vamos a missa quer sentar-se nos primeiros bancos para ver o melhor que pode. Muitas vezes eu esqueço o grande acontecimento de cada missa, muitas vezes tomo como algo cotidiano. “Eu asseguro que, a não ser que vocês se convertam e se tornem como crianças, jamais entrarão no Reino dos Céus” Mt 18, 3. E através do humilde coração de criança aprendi a ter mais consciência do grande acontecimento de cada missa, do verdadeiro milagre que ocorre em frente de nossos olhos.

Ao ver que Suyapa nos acompanha, outros dois meninos, Angel e Santiago, pediram para também ir à missa. Os dois são nossos vizinhos e sua família não frequenta a igreja, mas pouco a pouco foram se interessando pelo caminho da fé e agora Santiago sempre é o primeiro a rezar a dezena do terço. É sem dúvidas uma grande alegria ver a sede de Deus nos mais pequenos, mas me causava muita dúvida de onde surgia, normalmente não esperamos crianças que querem ir na missa ou rezar o terço e as liturgias. Porem duas frases me ajudaram a entender melhor, uma de Suyapa “não sei porque vocês, missionários, gostam tanto da gente, as outras pessoas não são assim” e outra de Angel saindo da missa “vocês são tão bons e divertidos, é muito bom estar com vocês aqui”. Compreendi que nosso exemplo bastava, o tempo que passamos com eles estamos brincando e mesmo sem falar da fé os estamos evangelizando, porque o que importa é o exemplo e principalmente com o amor que temos por eles serve de caminho para descobrir a Cristo. Nesse tempo de Natal celebramos que o próprio amor se fez carne e habitou entre nós, para nos ensinar a amar. Pontos coração quer levar um pouco desse mesmo amor, pois não chega aos bairros mais pobres e esquecidos para levar presentes ou bem materiais, mas sim algo mais grande, chega para levar a amizade. A amizade é nossa missão, assim como Jesus teve com seus discípulos, com Lazaro, com Maria Madalena, uma amizade que transformou verdadeiramente a vida deles e os fez entrar na vida com Deus.

Alicia

0 visualização

Contato

© Copyright 2019 Pontos Coração 

Tel: (71) 3199 2749

Cel. (71) 99913 5015

Email: contato@pontoscoracao.org

Endereço

Fazenda do Natal

Caixa Postal 28

43.700-000 Simões Filho, BA